Direção Executiva do SCVR presta esclarecimento aos sócios

Em reunião da Direção Executiva do Sport Clube Vila Real, foi aprovado, numa primeira instância, o orçamento da temporada que vigora na secção futebolística, desde a formação aos seniores e estendendo o debate para as restantes modalidades do clube. O segundo tema centrou atenções no mapa de dívidas do clube, promessa assumida pela atual direção eleita a 16 de junho do ano transato.

O orçamento anual regista valores positivos (+20 mil euros), proporcionando a respiração sã e a fundo do clube de Trás-os-Montes, materializando a sustentabilidade e a fiabilidade da Direção Executiva. No futebol sénior, as despesas perfazem um total de 100 mil euros, o dobro do valor que as mesmas assumem no futebol de formação; por sua vez, o lucro em patrocínios traduz-se em 50 mil euros tal como na bilheteira e em vendas associadas ao clube enquanto que quotizações e inscrições dobram este último valor.

De acordo com o mapa de dívidas, em junho de 2018, o valor mostrava-se insuportável e atingia a fasquia dos 475 mil euros, porém, com o esforço e perseverança da Direção Executiva atual, a redução do mesmo é alcançada em mais de uma centena de milhares de euros pela persistência e na renegociação com diversos credores. Contudo, o destaque principal prende-se com o facto de o Sport Clube Vila Real ser titular de uma conta bancária, com a Caixa Crédito Agrícola, situação completamente desconhecida previamente. Para além disto, o clube está lesado em cerca de 32 mil euros, dívida da qual não se conhece o paradeiro.

A Direção Executiva, na reunião, demonstrou e vincou o seu descontentamento para com a direção anterior pelo facto de não ter vetado a saída de jogadores da formação transmontana sem que esta salvaguardasse os direitos de formação dos atletas apesar de a situação estar neutralizada e encaminhada para o advogado do clube.

Deste modo, a direção remata afirmando que a “forma equilibrada, transparente e mobilizadora desta Direção, permitiu ao clube avançar para novos desafios, com o apoio de
patrocinadores e da Câmara Municipal”, orgulhando-se “de ter grandes profissionais, com plena capacidade para prosseguir os objetivos de sucesso que se pretendem para a nossa
instituição, um novo rumo se pretende concretizar com novos contributos, dedicação e empenho.”, consciente das adversidades “ Todos temos a plena noção de que ainda temos muito caminho para percorrer e que muitos obstáculos há ainda a transpor. E que serão
tanto maiores quanto maior for o nosso sucesso e a nossa dimensão.”

 

Romão Rodrigues
Fotografia: O Torgador (André Cardoso)

 

Avatar

Criado Por:

O Torgador

Partilhar:
Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais